Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Oh no! Books!

Livros, fotografia e viagens. (na verdade, é quase só livros)

Oh no! Books!

Livros, fotografia e viagens. (na verdade, é quase só livros)

Livros que li nas férias (2021)

Foram duas semanas de férias muito divididas entre comprar livros e ler livros 😅.

Além destes que estão na foto, também li o Salem’s Lot do Stephen King, mas li no Kobo, portanto não veio para a foto.

Livros que li nas férias.jpeg

 

😱 Os Pássaros e outros contos macabros, Daphne du Maurier — Sei que é uma autora adorada por muitos e reconheço muita qualidade na sua escrita, mas não é a minha preferida no formato de contos. Prefiro um género de terror mais silencioso e, nestes contos, a Daphne du Maurier trabalha um tipo de terror muito mais imediato, muito mais urgente. Digam-me, gostam desta autora? Porquê?

 

🤖 Klara e o Sol, Kazuo Ishiguro — Agora estou a começar a pensar que gostava de ter colocado os livros por outra ordem 😅 Também foi uma leitura que me desiludiu bastante… acho que ficou ao nível do outro que li do autor “Nunca me Deixes”. Lê-se bem, mas achei muito semelhante ao outro que li e parece-me sempre que o autor não sabe bem o que quer dizer, parece-me sempre tudo muito superficial e encostado à bengala do twist.

 

👩🏻 Eliete, Dulce Maria Cardoso — UAU. Nunca tinha lido nada da autora, mas agora sei que vou querer ler toda a obra. Surpreendeu-me bastante, não só pela história, mas pela riqueza e profundidade da linguagem. Recomendo muito. Já deixei opinião aqui no feed.

 

⛵️ Outline, Rachel Cusk — Livro maravilhoso. O primeiro de uma trilogia, é composto por dez conversações. Todas tão profundas que não têm espaço na vida real. Pessoas a conversar, a pensar, pessoas a mostrarem quem são, pessoas com medo. Gostei imenso e vou querer ler os outros dois.

 

🥺 Tokyo Ueno Station, Yu Miri — Outro livro bonito. Um fantasma que nos fala de perda, de invisibilidade, de pobreza, de falta de sorte, de falta de vontade de continuar. Uma visão da perda próxima e poderosa. Podem ver a minha opinião aqui.

 

🧛‍♀️ Salem’s Lot, Stephen King — Já não lia King há imenso tempo, mas voltei a ficar com vontade. Dos meus preferidos dele até agora.

 

E vocês, o que leram nas férias? Já leram algum destes?

 

20 livros para ler com o Kobo Plus

Agora que estamos no verão e começam as idas à praia ou as tardes preguiçosas no sofá, achei que seria simpático deixar-vos uma lista de livros que podem ler com o Kobo Plus (se não souberem o que é tenho mais informação aqui). 

Ainda não li a maioria, por isso não vos vou dar opinião, mas estão todos na minha lista de livros a ler. São quase todos em português, mas também têm alguns em inglês.

Tenham em conta que só estou a colocar um livro por autor mas, normalmente, têm sempre todos os livros do autor disponíveis. Também queria deixar a nota que os livros disponíveis vão mudando, por isso, esta lista está atualizada à data de hoje — por exemplo, antes os livros da Elena Ferrante estavam disponíveis e agora já não estão 🙁 

 

Espero que encontrem sugestões que vos agucem o apetite 💛

20 Livros para ler com o Kobo Plus.png

 

Livros incluídos na subscrição Kobo Plus

 

  1. A Coisa à Volta do Teu Pescoço, Chimamanda Ngozi Adichie — Doze histórias, doze heroínas memoráveis que lutam para conservar os seus valores. 4.24 no Goodreads. Em português.

 

  1. The Handmaid’s Tale, Margaret Atwood — Uma distopia onde as servas existem e o poder da liberdade desaparece. 4.12 no Goodreads. Em inglês.

 

  1. Invisível, Paul Auster — Quatro partes entrecruzadas, um poeta, um casal francês, três narradores e um triângulo amoroso. 3.69 no Goodreads. Em português.

 

  1. Where I Live Now - Stories 1993 . 1998, Lucia Berlin — Conjunto de contos que mergulham na condição humana e na felicidade que pode não ser real. 4.49 no Goodreads. Em inglês.

 

  1. Two serious Ladies, Jane Bowles — Duas mulheres sérias que querem mais da vida e que vão tentar encontrar-se, cada uma à sua maneira. 3.64 no Goodreads Em inglês.

 

  1. Pão de Açúcar, Afonso Reis Cabral — O relato do caso Gisberta que tenta trazer luz ao paradoxo de quem conforta para depois magoar. 3.84 no Goodreads. Em português.

 

  1. No início, Eram Dez…, Agatha Christie — Dez pessoas visitam uma ilha a pedido de um desconhecido, mas, um a um, vão sendo assassinados. 4.26 no Goodreads Em português.

 

  1. O Pintor debaixo do Lava-Loiças, Afonso Cruz — Uma história verídica que nos mostra que, às vezes, são as pequenas coisas que façam a diferença. 4.01 no Goodreads. Em português.

 

  1. O Som e a Fúria, William Faulkner — A tragédia da família Compson contada pelas vozes dos três irmãos. 3.86 no Goodreads. Em português.

 

  1. A Gorda, Isabela Figueiredo — A história de uma mulher, gorda, e dos desafios e dissabores que enfrenta na sua vida. 3.84 no Goodreads. Em português.

 

  1. A Noite de Todas as Almas, Deborah Harkness — Vampiros, bruxas e demónio. Uma historiadora que não tem outra hipótese senão aceitar o seu papel neste mundo fantástico. 4.0 no Goodreads. Em português.

 

  1. Interpreter of Maladies, Jhumpa Lahri — Um conjunto de histórias onde os protagonistas navegam entre a cultura indiana e o que se vive no resto do mundo. 4.16 no Goodreads. Em inglês.

 

  1. Passing, Nella Larsen — Duas mulheres, um retrato psicológico de conflitos raciais, do pânico, do medo e da vontade de aceitar a cultura. 3.91 no Goodreads. Em inglês

 

  1. Pachinko, Min Jin Lee — História que segue uma família coreana durante quatro gerações e que decorre na Coreia e no Japão. 4.28 no Goodreads. Em inglês.

 

  1. The Paper Menagerie, Ken Liu — Dezasseis histórias que misturam o mágico com o mundano e que, pelo caminho, ganharam os três principais prémios de ficção cientifica/fantasia.  4.56 no Goodreads. Em inglês.

 

  1. Kafka à Beira-Mar, Haruki Murakami — Gatos conversam com pessoas, cai peixe do céu. Um novo e um velho viajam em busca de algo. 4.13 no Goodreads Em português.

 

  1. 1984, George Orwell — Um mundo opressivo onde até as ideias são controladas. Winston Smith tenta alcançar a individualidade. 4.19 no Goodreads. Em português.

 

  1. O Nome do Vento, Patrick Rothfuss — Uma criança que se vai tornar no maior feiticeiro de sempre e o adulto que tenta distinguir a lenda da realidade. 4.51 no Goodreads. Em português. 

 

  1. Um Gentleman em Moscovo, Amor Towles — Um conde que, por causa de um poema que escreveu, é condenado a prisão domiciliária num hotel. 4.33 no Goodreads. Em português.

 

  1. María Antonieta, Stefan Zweig — A história de María Antonieta, uma mulher comum que revolucionou a corte francesa. 4.32 no Goodreads. Em português.

 

Se tiverem outras sugestões, partilhem, por favor — a minha TBR tem sempre espaço para crescer 😅 Comentários sobre livros desta lista também são bem-vindos 🤍